Notícias / Geral

17/03/2019

Constantes faltas de energia revoltam moradores em Pontal

A EDP Escelsa é a concessionária de energia que atende a região


 Um grande número de moradores de pontal do Ipiranga estão se organizando para entrar na justiça contra a EDP Escelsa.

Essa informação se confirma com a grande procura de moradores que têm ido à sede da associação relatar prejuízos com as constantes falta de energia.

O Site do Pontal consultou um advogado e ouviu dele a seguinte explicação:

" Todos os qu se sentirem lesados e prejudicados com a falta de energia podem sim, recorrer à justiça, mas sem a comprovação do prejuízo sofrido fica muito mais difícil se ganhar uma ação contra a EDP- Escelsa."

Durante os dias de Carnaval foram muitas as vezes em que grande parte do balneário ficou totalmente às escuras.

A revolta contra a frequente interrupção no fornecimento de energia elétrica não fica limitada somente aos moradores do núcleo de  Pontal. Diversos proprietários de chácaras na região de degredo também têm sofrido com a falta de energia qiue por vezes perdura por mais de l5 horas.

Entramos em contato com ol presidente da Associação de moradores de Pontal, Francisquinho da Peixaria que informou o seguinte :

"Já enviamos ofício para a EDP Ecelsa, solicitando uma audiência com um grupo de moradores daqui de Pontal, para ouvirmos deles as explicações sobre esse transtorno da falta de energia que causa tantos prejuízos a todos nós".

Falta agora a EDP Escelsa marcar a data para que este grupo de comerciantes e moradores possa se deslocar até a sede da empresa para manter essa conversa com a diretoria.

Segundo o presidente, uma ação na justiça não está descartada, mas que primeiro irá seguir os trâmites devidos ouvindo e anlisando quais as ações que a  irá desenvolver para pôr fim ao problema da falta de energia.

O site continua acompanhando e atuailzando este assunto.

Escreva o seu Comentário

Não perca tempo e seja o primeiro a comentar esta notícia.
Preencha os campos abaixo:
Nome
Seu comentário
A quantidade máxima é de 300 caracteres por comentário. Restando: 300

ATENCÃO: Não poderão ser postados comentários com conteúdo:
1. Ilegal 2. Abusivo
3. Ameaçador 4. Nocivo
5. Obsceno 6. Profano
7. Difamatório de qualquer pessoa ou instituição 8. Discriminatório de credo, raça, condição social ou orientação sexual
9. De Incitação à violência e/ou ao crime contra pessoas, instituições. 10. Capaz de ferir a reputação de pessoas ou organizações
11. De Propaganda política, de produto ou serviço 12. Que sejam assinados por apelidos ou anônimos
13. Postado por usuários com único objetivo de ‘bater-boca’ com outro(s) usuário(s) ou que configura conversa pessoal ou mensagem típica de salas de chat. 14. Fora do tema proposto pela notícia, artigo ou coluna. Os comentários são bem-vindos, mas devem se ater ao tema proposto na notícia.

Mecanismo de eliminação de conteúdo:
A equipe do Pontal News reserva-se o direito de eliminar sem consulta toda e qualquer postagem de conteúdo que fira diretamente as regras acima estabelecidas.

Digite a palavra abaixo e clique em "enviar"
Captcha

Veja Também

Publicidade